Sexta-feira, 24 de Abril de 2009

«Também não conhecia a expressão "navegar de conserva"», diz-me uma leitora .

Esta frase contém em si um dos grandes objectivos do projecto Mares: no séc. XVII quando um marinheiro usava expressões náuticas em terra toda a gente o percebia. Os termos náuticos faziam parte do vocabulário corrente - se bem não activo - da maioria dos portugueses. O projecto Mares quer contribuir, braça a braça* que seja, para que isso volte a acontecer.

 

* Braça - medida de comprimento equivalente a 2,2 m.

 

Navegar de conserva: navegar à vista; diz-se de duas ou mais embarcações que navegam  perto umas das outras.



publicado por Luís Serpa às 13:27 | link do post | comentar

2 comentários:
De alexandre a 21 de Setembro de 2009 às 00:06
diz-se navegar em conserva e não de conserva.


De alexandre monteiro a 21 de Setembro de 2009 às 00:42
ah, e já agora, a braça marítima antiga era de cerca de 1.76 m e a actual tem cerca de 1.83 m.


Comentar post

Apresentação
Faça aqui o download da apresentação do projecto.
Apoios








Hotel oficial
Comunicados de imprensa
- Press release 3
- Press release 2
- Press release 1
Ligações
arquivos

Novembro 2009

Outubro 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

tags

apoios

notícias

todas as tags

Contactos
lserpa@mares-olhares.com
anavidal@mares-olhares.com
Subscrever feeds